Este site utiliza cookies. se continuar a navegar, vamos considerar que aceita a sua utilização. Pode obter mais informações clicando aqui.

Como os quilos aumentam no inverno

2013-02-21
No entanto, todos nós já nos apercebemos em algum momento de que os nossos jeans estão um pouco mais apertados que há uns meses atrás. Segundo a revista Self, existem alguns gatilhos que levam as pessoas a ganhar peso durante os meses mais frios e, ao saber quais eles são, você vai poder evitá-los.

Quando notar que o seu nariz está a começar a ficar entupido, a última coisa que quer fazer é exercício, e a inatividade causada por essa constipação comum pode resultar em alguns quilos a mais. Lave sempre as mãos e afaste-se dos amigos que estão doentes para evitar que o mesmo lhe aconteça. O stresse financeiro também pode ser um gatilho, já que se pode sentir compelida a pegar em coisas para comer menos boas só porque a conta do seu cartão de férias tem um zero a mais.

Apesar de o aumento de peso não levar automaticamente à celulite, pode potenciar o aparecimento da pele irregular. Como tal, o exercício físico é uma boa maneira de evitar que isso aconteça. Em alguns casos, no entanto, a celulite não pode ser evitada. Quem tem um estilo de vida saudável, e ainda assim não consegue mantê-la a milhas, vai querer experimentar certamente um tratamento para a redução da celulite que reduza o aparecimento da pele de casca de laranja.

Se tem celulite, não pense que está só – mais de 63 milhões de mulheres nos EUA lutam contra esta condição*.

No entanto, o Cellulaze consegue marcar a diferença, já que tem uma taxa de satisfação de 92,5 por cento.** Faça hoje uma marcação para se juntar a estas pacientes muito satisfeitas!




* Avram, MM œCellulite: A review of physiology and treatment” Journal of Cosmetic and Laser Therapy 2004; 6 : 181-185 in conjunction with US Census Bureau, International Programs Center, International Data Base

** DiBernardo M.D., Barry E. “Treatment of Cellulite Using a 1440-nm Pulsed Laser With One-Year Follow-Up” Aesthetic Surgery Journal (2011) 31(3): 328 €“341